Desmatamento na Amazônia: as queimadas na mídia

Como a Twist mediu a influência de focos de queimada na Amazônia na opinião pública

 

Nesta sexta, o planeta comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente. Mas você sabia que o desmatamento na Amazônia em abril foi o maior para o mês nos últimos 10 anos? Segundo dados liberados pelo Sistema de Alerta de Desmatamento, da ONG Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia, foram 529 km² de área desmatada. Só em relação ao ano de 2019, esse número representa um aumento de 171%.

A marca, porém, não é exatamente nova. No ano passado, o Brasil esteve sob o olhar internacional após o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais ter constatado que o número de focos de incêndios no bioma terem sido os maiores desde 2010. Só em agosto, com 1.698 km² queimadas, o crescimento do desmatamento foi de 222% em relação a anos anteriores.

Ao longo daquele mês e do seguinte, a Twist cruzou dados de quase 2 mil notícias e de mais de 330 mil tweets com aqueles fornecidos pelo INPE para responder a uma única dúvida: a opinião pública estava realmente acompanhando o ritmo das novas queimadas? As conclusões foram reunidas no e-book Queimadas e #Amazônia, ao qual você pode ter acesso no link abaixo. Confira conosco!

BAIXE O MATERIAL AQUI!

Twist.Watch

O Twist.Watch é um novo projeto da Twist, dedicado à divulgação e-books e estudos aprofundados na área da Data Science. Junto ao Queimadas e #Amazônia, primeiro desta série, lançamos também um perfil no Instagram, em que estaremos divulgando estes estudos, além de outras curiosidades e informações sobre assuntos que estão em alta. Por que não aproveita para nos seguir por lá também?

SIGA-NOS NO INSTAGRAM!

Twist na Casa Ninja Amazônia

No sábado dia 6, o Fernando Ferreira, um dos sócios da Twist, irá participar do Encontro Hacker Amazônia, uma iniciativa da Casa Ninja Amazônia para debater tecnologia e meio ambiente, das 11h às 13h. Mais detalhes podem ser encontrados clicando aqui.

 

Para mais estudos como este, fique atento às redes sociais e ao blog da Twist! Além do Instagram, você pode nos seguir no Facebook e no LinkedIn. Se tiver maior interesse em conhecer nossas soluções e ferramentas de Ciência de Dados, fale conosco!

Se inscreva na nossa newsletter